Comente.

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Exercícios de Química - 2º Ano - Lei de Hess



                                  Atividade Avaliativa de Química – 2º Ano (Lei de Hess)
Nome:_______________________________nº:__________   Turma:__________Valor: 3,0
                                                  Exercícios sobre Lei de Hess

01- Utilize os seguintes valores de ΔH:
H2 (g)      +      F2 (g)   2HF(g)            ΔH = ─546KJ
C (grafite)  +  2F2 (g)    CF4(g)        ΔH = ─680KJ
2 C(grafite)   +   2H2 (g) C2H4(g)     ΔH = +52KJ

Para determinar a variação de entalpia do processo:
C2H4(g) + 6F2(g)   2CF4(g) + 4HF(g)      ΔH = ?  
resp.


2- Considerando a equação termoquímica abaixo representada:
S(g) + 3/2 O2(g) → SO3(s)  ΔH =─ 94,4 Kcal/mol podemos afirmar que, na formação de 200 g de trióxido de enxofre:
a) ocorre a liberação de 94,4 Kcal, uma vez que a reação é exotérmica.
b) ocorre a absorção de 94,4 Kcal, uma vez que a reação é endotérmica.
c) ocorre a liberação de 169,5 Kcal, uma vez que a reação é exotérmica.
d) ocorre a absorção de 236 Kcal, uma vez que a reação é endotérmica.
e) ocorre a liberação de 236 Kcal, uma vez que a reação é exotérmica.
Resp.


3- Tanto o enxofre rômbico quanto o monoclínico sofrem combustão formando dióxido de enxofre gasoso. Os valores de ΔH são os seguintes:
S(rômbico) + O2(g) → SO2(g)  ΔH = ─ 296,8 kJ/mol
S(monoclínico)+ O2(g) → SO2(g)ΔH =─ 297,1 kJ/mol
Calcule o ΔH da reação equacionada a seguir, em que enxofre rômbico se transforma em enxofre monoclínico:
S(rômbico)    S(monoclínico)              resp:

4- Em um conversor catalítico, usado em veículos automotores em seu cano de escape, para reduzir a poluição atmosférica, ocorrem várias reações químicas, sendo que uma das mais importantes é:
CO(g) + ½ O2(g) → CO2(g)
Sabendo-se que as entalpias das reações citadas a seguir são:
C(grafite) + ½ O2(g) → CO(g)    ∆H = ─26,4 kcal
C(grafite) + O2(g) → CO2(g)     ∆H = ─94,1 kcal

Pode-se afirmar que a reação inicial é:
a) exotérmica e absorve 67,7 kcal/mol.
b) exotérmica e libera 120,5 kcal/mol.
c) exotérmica e libera 67,7 kcal/mol.
d) endotérmica e absorve 120,5 kcal/mol.
e) endotérmica e absorve 67,7 kcal/mol.
Resp.



5- Dadas as seguintes equações termométricas:
I. NO(g) + ½ O2(g)  NO2(g)     ∆H= + 13,5 Kcal
II. ½ N2(g) + O2(g)   NO2(g)     ∆H= ─ 8,1 Kcal
Calcule o∆H para a reação abaixo: 
½ N2(g) + ½ O2(g)  NO(g)
O valor encontrado será de:
a) – 21,6 Kcal     b) +21,6 Kcal   c) – 20,6 Kcal       d) – 5,4 Kcal            e) + 5,4 Kcal
resp.


6- Calcule o ∆H da reação:
P4(s)  + 10 Cℓ2 (g)→ 4 PCℓ5(s)
Utilizando os seguintes dados:
P4(s)  + 6 Cℓ2 (g)→ 4 PCℓ3 (l)    ∆H─ 1279 kJ/mol
PCℓ3 (l)  +  Cℓ2 (g)  PCℓ5 (s)    ∆H=─ 124kJ/mol                            
resp.



7- Utilize as seguintes informações:
4HCℓ(g) +O2(g) → 2H2O(l) +2Cℓ2 (g)  ∆H=─148 kJ/mol
½ H2(g)  + ½ F2(g) → HF(g)      ∆H=─273 kJ/mol
H2(g)  + ½ O 2(g)  H2O(l)  ∆H= ─286 kJ/mol
Para estimar o ∆H da seguinte reação:
2HCℓ(g)  + F2(g)    2 HF(g)  + Cℓ2(g)    ∆H=  ?        
resp.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Followers